Estações de Recarga de Veículos Elétricos

por: SRD - publicado: 11/10/2018 17:38, última modificação: 17/10/2018 10:36

Registro de estações de recarga de veículos elétricos

 

Para acessar o formulário eletrônico para registro de estações de recarga de veículos elétricos previsto no artigo 14 da Resolução Normativa no 819, de 19 de junho de 2018, clique aqui.

 

O registro de estações de recarga está aberto a qualquer interessado, independentemente do equipamento ser de uso privado ou público, sendo necessárias as seguintes informações:

  • CPF/CNPJ do Responsável pelas Informações
  • Nome Completo/Razão Social do Responsável pelas Informações
  • E-mail de contato do Responsável pelas Informações
  • Unidade da Federação (UF) da Instalação
  • Município da Instalação
  • Código da Unidade Consumidora (U.C.)
  • Tensão de fornecimento da U.C. [alta ou baixa tensão]
  • Data da Instalação da(s) Estação(ões) de Recarga
  • Número de Estações Instaladas na Data
  • Tipo de Acesso ao Local das Estações Instaladas na Data [público, semi-público ou privado]
  • Potência Nominal do Modelo das Estações Instaladas na Data (em kW)
  • Tipo(s) de Recarga(s) Suportada(s) pelo Modelo das Estações Instaladas na Data
  • Número de Pontos de Recarga por Estação (conforme definição da REN 819/2018)
  • Coordenada Geográfica (Latitude) da Instalação [Obrigatória somente para distribuidoras]
  • Coordenada Geográfica (Longitude) da Instalação [Obrigatória somente para distribuidoras]

Regulamentação sobre recarga de veículos elétricos

A ANEEL aprovou em 19 de junho de 2018 a Resolução Normativa nº 819/2018, primeira regulamentação sobre a recarga de veículos elétricos por interessados na prestação desse serviço (distribuidoras, postos de combustíveis, shopping centers, empreendedores etc). A nova regulamentação reduz a incerteza para os que desejam investir no desenvolvimento da infraestrutura de recarga e era aguardada com grande expectativa pelo mercado.

A Agência optou por uma regulamentação mínima do tema, com o objetivo principal de evitar interferências indesejáveis dessas atividades com a operação da rede elétrica e garantir que as tarifas dos consumidores de energia elétrica das distribuidoras não sejam impactadas pela prestação do referido serviço quando realizado pelas distribuidoras de energia elétrica.

É permitida a qualquer interessado a realização de atividades de recarga de veículos elétricos, inclusive para fins de exploração comercial a preços livremente negociados, a chamada recarga pública.

A distribuidora local pode, a seu critério, instalar estações de recarga em sua área de atuação destinadas à recarga pública de veículos elétricos.

Mais informações

Qualidade na distribuição

Universalização

Geração Distribuída

Perguntas Frequentes

A Resolução Normativa ANEEL nº 482/2012 define o Sistema de Compensação como um arranjo no qual a energia ativa injetada por unidade consumidora com microgeração ou minigeração distribuída é cedida, por meio de empréstimo gratuito, à distribuidora local e posteriormente compensada com o consumo de energia elétrica ativa. Esse sistema é também conhecido pelo termo em inglês net metering. Nele, um consumidor de energia elétrica instala pequenos geradores em sua unidade consumidora (como, por exemplo, painéis solares fotovoltaicos ou pequenas turbinas eólicas) e a energia gerada é usada para abater o consumo de energia elétrica da unidade. Quando a geração for maior que o consumo, o saldo positivo de energia poderá ser utilizado para abater o consumo em outro posto tarifário ou na fatura do mês subsequente. Os créditos de energia gerados continuam válidos por 60 meses. Há ainda a possibilidade de o consumidor utilizar esses créditos em outras unidades previamente cadastradas dentro da mesma área de concessão e caracterizada como autoconsumo remoto, geração compartilhada ou integrante de empreendimentos de múltiplas unidades consumidoras (condomínios).

Consute aqui o Guia de Perguntas e Respostas sobre micro e mini geração distribuída.

Clique aqui para mais informações.