Informações Técnicas

por: SCR - publicado: 22/01/2016 09:39, última modificação: 02/03/2016 17:08

As Informações Técnicas compreendem dados, tabelas, listas, documentos, planilhas, indicadores, bem como instruções de preenchimento e outros materiais importantes para os agentes, investidores, pesquisadores, instituições públicas ou privadas e cidadãos.

Voltar

Campanhas de Fiscalização

Campanhas de Fiscalização

por: SFE - publicado: 05/04/2016 10:50, última modificação: 05/05/2017 15:04

Campanhas de Fiscalização da SFE objetivam a melhoria na identificação de perturbações e a redução dos desligamentos causados por falhas humanas

Imagens de torres de transmissão representando a melhoria na identificação de perturbações e a redução dos desligamentos causados por falhas humanasO sistema de transmissão no Brasil é planejado considerando o critério N-1, ou seja, o sistema elétrico está preparado para suportar a perda ou desligamento de um componente sem que haja a interrupção no fornecimento para algum consumidor.

A adoção desse critério é importante para aumentar a confiabilidade do sistema elétrico, uma vez que as instalações de transmissão podem estar sujeitas a situações adversas, como descargas atmosféricas, ventos fortes, tempestades, queimadas, etc. 

Dessa forma, embora o número de perturbações no sistema seja entre 2.000 e 3.000 por ano, o número de perturbações que ocasionam algum desligamento de carga gira em torno de 300. Além disso, um número bem menor de perturbações causa cortes de carga em proporções mais relevantes – menos de 3% do total de perturbações cortam montantes de carga superiores a 100 MW, o que equivale a uma cidade de 300 mil habitantes.

Apesar de a grande maioria das perturbações no sistema de transmissão não causar interrupções de fornecimento para os consumidores, o monitoramento das causas das perturbações e dos desligamentos forçados das instalações de transmissão pode ajudar na redução do número de desligamentos e, consequentemente, na diminuição do risco de interrupções do fornecimento de energia elétrica aos consumidores brasileiros.

Uma perturbação consiste em um conjunto de desligamentos forçados de componentes do sistema de transmissão. O desligamento forçado se caracteriza pela retirada de serviço de um componente, em condições não programadas, resultante de falha ou de desligamento de emergência.
 
A evolução histórica dos desligamentos forçados no sistema de transmissão, estratificada por causa, pode ser acompanhada no gráfico apresentado na página da Fiscalização da Transmissão no Portal de ANEEL. 

O monitoramento dos desligamentos forçados depende da correta identificação das causas dos desligamentos pelas transmissoras. Por este motivo, durante todo o ano de 2016, a SFE realizará ações de fiscalização no intuito de que as transmissoras aprimorem seus processos de identificação de perturbações e desligamentos forçados. O objetivo é que seja reduzido o número de desligamentos com causas indeterminadas, permitido um monitoramento mais eficaz das causas dos desligamentos no sistema de transmissão.

Também serão tema de Campanha de Fiscalização os desligamentos forçados causados por falhas humanas, os quais têm alta representatividade no total de desligamentos do sistema de transmissão.  A SFE já iniciou um conjunto de ações previstas para 2016 com o objetivo de reduzir os desligamentos forçados causados por falhas humanas. As transmissoras com elevada incidência de falhas humanas deverão apresentar à SFE planos de melhoria de curto e médio prazo para reduzir falhas humanas durante o comissionamento, a operação e a manutenção de suas instalações de transmissão.