Qualidade na Distribuição

por: SRD - publicado: 12/01/2016 14:24, última modificação: 11/03/2016 10:18

A qualidade percebida pelo consumidor de uma concessionária ou permissionária de serviço público de distribuição de energia elétrica deve ser avaliada a partir de três grandes aspectos: a qualidade do “produto” energia elétrica (relacionada à conformidade da tensão em regime permanente e à ausência de perturbações na forma de onda), a qualidade do “serviço” (relacionada à continuidade na prestação do serviço) e a qualidade do atendimento ao consumidor.

Também é necessário considerar os indicadores de segurança do trabalho, que sinalizam a preocupação das distribuidoras com a qualidade do trabalho desenvolvido pelos seus colaboradores e, de certa forma, exprimem o nível de risco ao qual está exposta a população em geral.

Por fim, a qualidade na ditribuição também considera o tempo médio de atendimento às ocorrências emergenciais, avaliado por meio de indicadores vinculados a conjuntos de unidades consumidoras. 

Módulo 8 do PRODIST estabelece os procedimentos relativos à qualidade da energia elétrica - QEE, abordando a qualidade do produto e a qualidade do serviço prestado, enquanto as Condições Gerais de Fornecimento (Resolução Normativa nº 414/2010) discplinam os aspectos relacionados à qualidade do atendimento ao consumidor, notadamente a qualidade do atendimento comercial, a qualidade do atendimento telefônico e o tratamento das informações.

Para mais informações sobre cada um dos aspectos da qualidade na distribuição acima mencionados, acesse as páginas específicas pelos links ao lado.

Indicadores

Os indicadores associados à distribuição de energia elétrica podem ser consultados na página "Indicadores da Distribuição".