GERAÇÃO

Congresso ABAR: ANEEL modera debate sobre futuro da geração eólica e solar

Autor: AID

Publicação: 15/08/2019 | 17:1

Última modificação: 19/08/2019 | 17:48

 

O panorama e as perspectivas para geração solar e eólica no Brasil foram os temas da mesa mediada pelo diretor da ANEEL Sandoval Feitosa durante o XI Congresso Brasileiro de Regulação, nesta quinta-feira (15) em Maceió/AL. Participaram do debate Rodrigo Sauaia, presidente executivo da Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica – Absolar; Frederico Rodrigues, Diretor de Relações Institucionais da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia – ABRACEEL; Élbia Gannoum, Presidente Executiva da Associação Brasileira de Energia Eólica – Abeeólica; e Cassio Tersandro de Castro Andrade, Coordenador de Energia da Agência Reguladora do Estado do Ceará – ARCE.



Feitosa iniciou os trabalhos apresentando um prognóstico de desempenho das duas fontes e referindo-se a pontos como geração híbrida, inserção de empreendimentos no mercado livre e armazenamento. “Precisamos de novas tecnologias para lidarmos melhor com a variabilidade da produção dessas fontes”, afirmou o diretor, que citou a chamada de Pesquisa e Desenvolvimento em andamento na ANEEL para projetos de armazenamento.

Entre os pontos abordados, os integrantes da mesa trataram ainda de possibilidades de financiamento da geração, dos subsídios para estímulo às duas fontes e das oportunidades de modernização tecnológica e do marco regulatório do setor elétrico. “Foi sem dúvida uma discussão de grande qualidade técnica”, avaliou Feitosa ao final do debate.