GERAÇÃO

Fixadas as tarifas de Energia de Otimização e de Serviços Ancilares para 2018

Autor: ASSESSORIA DE IMPRENSA

Publicação: 21/12/2017 | 15:15

Última modificação: 21/12/2017 | 15:30



A Tarifa de Energia de Otimização (TEO) foi fixada, em reunião pública da diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) realizada hoje 21/12, em R$ 11,87/MWh (reais por megawatt-hora) com vigência a partir de 1º/1/2018.

A TEO é destinada à cobertura dos custos incrementais de operação e manutenção das usinas hidrelétricas e ao pagamento da compensação financeira referente à energia trocada no Mecanismo de Realocação de Energia (MRE)* da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). 

Na mesma reunião, foi aprovada a Tarifa de Energia de Otimização da Usina Hidrelétrica de Itaipu que será de R$ 31,92/MWh a partir de 1º/1/2018. Como os custos variáveis de produção da Usina Hidrelétrica – UHE Itaipu são diferentes dos das demais usinas, definiu-se que haveria valor de TEO diferenciado para a Usina, com os critérios de cálculo fixados pela Resolução Normativa nº392, de 15 de dezembro de 2009.

Tarifa de Serviços Ancilares – Hoje (21/12), a ANEEL aprovou ainda a Tarifa de Serviços Ancilares (TSA) em R$ 6,88 por megavar-hora (MVArh). A TSA, que entrará em vigor a partir de 1º/1/2018, serve para remunerar os custos adicionais de operação e manutenção das unidades geradoras que são solicitadas pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) a operarem como compensadores síncronos.

*Mecanismo de Realocação de Energia (MRE)-mecanismo de compartilhamento do risco hidrológico entre os agentes de geração. Tem o objetivo de mitigar o risco comercial de uma usina gerar menos energia elétrica do que sua garantia física, compartilhando o risco entre todas as hidrelétricas participantes desse mecanismo.