GERAÇÃO

Meta de expansão da geração em 2021 é de 4.790,48 MW

Autor: ANEEL

Publicação: 03/02/2021 | 16:54

Última modificação: 03/02/2021 | 16:59



A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) planeja liberar este ano 4.790,48 megawatts (MW) para entrada em operação comercial. Apenas em janeiro, a fiscalização da Agência liberou 159,67 MW para operação comercial, sendo 135,99 MW (85% do total) em empreendimentos de geração eólica, 17,70 MW (11%) em geração hídrica a partir de pequenas centrais hidrelétricas, e 5,98 MW (4%) provindos de usinas termelétricas.

Foram liberados pela ANEEL, em janeiro, novas unidades de geração em seis estados, quatro deles na região Nordeste. Destacaram-se o Ceará, com aproximadamente 54,6 MW, e a Bahia, com 33,6 MW.



Capacidade instalada

O Brasil inicia 2021 com 174.700,1 MW de potência fiscalizada, de acordo com dados do Sistema de Informações de Geração da ANEEL, o SIGA, atualizado diariamente com dados de usinas em operação e de empreendimentos outorgados em fase de construção. Desse total em operação, 74,81% das usinas são impulsionadas por fontes consideradas sustentáveis, com baixa emissão de gases do efeito estufa.

Outras informações sobre o acompanhamento da expansão da oferta de geração estão disponíveis em painéis interativos no endereço www.aneel.gov.br/fiscalizacao-dos-servicos-de-geracao. Esses painéis, atualizados mensalmente, mostram a previsão para a entrada de novas unidades geradoras para os próximos anos. Eles trazem ainda um histórico da expansão da geração desde a criação da ANEEL (1997).  Além dos painéis, a também está disponível base de dados com informações de previsão e acompanhamento de obras dos empreendimentos outorgados para construção.

 

Link curto para esta página: https://bit.ly/3rktOZa