Logo Iasc 2018

CONSUMIDORES

ANEEL divulga lista das distribuidoras finalistas do Prêmio Iasc 2018

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) divulga a lista de distribuidoras finalistas do Prêmio Iasc 2018, Índice ANEEL de Satisfação do Consumidor

Pesquisar Noticias

Período de: a
Voltar

Agência analisa ocorrência em instalações de transmissão e distribuição em São Paulo

FISCALIZAÇÃO

Agência analisa ocorrência em instalações de transmissão e distribuição em São Paulo

Autor: ASSESSORIA DE IMPRENSA

Publicação: $dateTool.format($dataFormatada, $dataCriacao)

Última modificação: $dateTool.format($dataFormatada, $dataModificacao)

 

A ANEEL realiza fiscalização conjunta com a Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (ARSESP) para apurar um incidente que envolveu uma linha de 88 kV da Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP) e uma linha de 13,8 kV da Eletropaulo no último dia 11/1, que provocou corte de carga de 177 MW, afetando o fornecimento de energia em bairros da capital paulista.

Os trabalhos de fiscalização já foram iniciados e terão continuidade em fevereiro com inspeção nas redes da transmissora e da distribuidora.


Ocorrências em instalações de transmissão na região Norte

Em outra frente, a ANEEL acompanha ocorrências nas redes de transmissão da região Norte, que causaram indisponibilidades em redes que atuam no escoamento da energia das usinas de Belo Monte, Santo Antônio e Jirau. A Agência acionou as empresas responsáveis para apresentarem os relatórios detalhados dos incidentes nas instalações e as providências adotadas para sanear os defeitos.

Um problema no sistema de proteção de linhas de responsabilidade da Eletronorte causou restrição nas usinas de Jirau e Santo Antônio. A outra ocorrência, nas instalações da Belo Monte Transmissora de Energia, com queda de torres de transmissão também causou restrição nas usinas do submercado Norte.

A ANEEL realiza periodicamente fiscalizações nas geradoras, distribuidoras e transmissoras de todo o país. Essa atividade segue um cronograma anual e na modalidade técnica-comercial avalia a manutenção dos equipamentos, a operação e o atendimento aos clientes. Se for constatada falha de planejamento, operação ou manutenção, as penalidades vão de advertência à multa de até 2% do faturamento anual da empresa, conforme estabelecido pelo inciso 10 da Lei 9.427/1996, regulamentada pela Resolução nº 63/2004 da Aneel. A penalidade não encerra a obrigação do agente de efetuar as correções necessárias para sanar o problema.