Leilão de Transmissão 02/2019

LEILÃO

Leilão de Transmissão 02/2019 é aprovado pela ANEEL após manifestação favorável do TCU

O certame será realizado no dia 19 de dezembro em São paulo.

Pesquisar Noticias

Período de: a
Voltar

Aprovado reajuste tarifário da RGE Sul

REAJUSTE

Aprovado reajuste tarifário da RGE Sul

Autor: AID

Publicação: $dateTool.format($dataFormatada, $dataCriacao)

Última modificação: $dateTool.format($dataFormatada, $dataModificacao)

 

A ANEEL aprovou hoje (11/6) reajuste tarifário da RGE Sul Distribuidora de Energia S.A. As novas tarifas entram em vigor a partir de 19/6. A empresa atende 2,87 milhões de unidades consumidoras localizadas no Rio Grande do Sul. Ao calcular o reajuste, conforme estabelecido no contrato de concessão, a Agência considera a variação de custos associados à prestação do serviço. O índice de reajuste da RGE Sul foi positivo, principalmente, pelos impactos dos custos com aquisição de energia e dos componentes financeiros que tratam da compensação dos valores de compra de energia do último processo tarifário.

O resultado do Reajuste Tarifário Anual da RGE Sul considerando o agrupamento das duas áreas de concessão originais levou a uma unificação tarifária que conduz a efeitos médios específicos a serem percebidos pelos consumidores, conforme a tarifa da distribuidora anterior responsável pelo atendimento. Confira abaixo os índices que serão aplicados às contas de luz dos consumidores.

Empresa

Consumidores residenciais - B1

RGE Sul

3,61%

RGE

6,19%

 

Grupo de Consumo

Variação Tarifária

RGE Sul

RGE

AT - Alta Tensão em média

-0,58% (redução)

11,32%

BT- Baixa Tensão (<2,3kV)

2,94%

7,04%

Efeito Médio AT+BT

1,72%

8,63%


O efeito médio da alta tensão refere-se às classes A1 (>= 230 kV), A2 (de 88 a 138 kV), A3 (69 kV) e A4 (de 2,3 a 25 kV). Para a baixa tensão, a média engloba as classes B1 (Residencial e subclasse residencial baixa renda); B2 (Rural: subclasses, como agropecuária, cooperativa de eletrificação rural, indústria rural, serviço público de irrigação rural); B3 (Industrial, comercial, serviços e outras atividades, poder público, serviço público e consumo próprio); e B4 (Iluminação pública).

Mais informações sobre reajustes tarifários podem ser consultadas no endereço eletrônico www.aneel.gov.br, no link entendendo a tarifa, e no aplicativo ANEEL Consumidor, disponível para dispositivos móveis Android ou IOS.