Mercado

ANEEL apresenta em SP suas propostas para ampliar segurança do mercado

Autor: AID

Publicação: 22/05/2019 | 16:53

Última modificação: 23/05/2019 | 08:29



A ANEEL apresentou nesta quarta-feira (22/5), em São Paulo, suas propostas para dar mais segurança às operações no mercado livre de energia, durante fórum de debates realizado pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

O diretor-geral da ANEEL, André Pepitone, disse à plateia, formada por agentes do mercado, que as propostas da agência foram construídas  a partir de intenso diálogo com o setor.

"Não desenhamos essas propostas fechados no gabinete. Esse é um debate multilateral, fruto de demandas que vieram do próprio mercado", disse Pepitone.

A proposta da ANEEL baseia-se em três ações principais. A primeira é a chamada de margem passar a ter periodicidade semanal. "Isso desidrata um eventual problema, diluindo no mês, e aumenta a segurança ", disse Pepitone.

A segunda proposta é a de aprimorar os critérios de entrada para atuar no setor de Comercialização de energia, e aqueles que já atuam terão prazo para se adequarem, e a terceira, o desenvolvimento de indicadores para os comercializadores.

Além de Pepitone, participaram do evento, pela ANEEL, os diretores Efrain Cruz e Rodrigo Limp. O Fórum contou ainda com a presença do presidente do Conselho de Administração da CCEE,  Rui Altieri, e do secretário de Energia Elétrica do Ministério de Minas e Energia, Ricardo Cyrino.