TARIFAS

Revisão extraordinária da Amazonas Energia será debatida em consulta pública

Autor: AID

Publicação: 25/08/2020 | 17:2

Última modificação: 25/08/2020 | 17:15

 

A diretoria da ANEEL aprovou, nesta terça-feira (25/8), abertura de consulta pública para debater com a sociedade solicitação de Revisão Tarifária Extraordinária (RTE) da Amazonas Energia S.A.. A solicitação da RTE é prerrogativa concedida às concessionárias que foram submetidas ao processo de desestatização.

Seguem abaixo os índices propostos em consulta:
 

Empresa

Classe de Consumo – Consumidores cativos

Baixa tensão
em média

Alta tensão
em média (indústrias)

Efeito Médio
para o consumidor

Amazonas Energia

8,32%

8,90%

8,50%


Os índices propostos foram impactados principalmente pelos custos da atividade de distribuição em decorrência da avaliação completa da base de remuneração da concessionária, gastos com transmissão de energia elétrica em razão do reajuste da Tarifa de Uso dos Sistemas de Transmissão (TUST) e os custos com compra de energia. Cabe destacar ainda que o empréstimo da Conta-covid proporcionou amortecimento dos índices de reajuste a serem percebidos nas contas dos consumidores Amazonenses. A Conta-covid contribuiu para amenizar o impacto do reajuste em -10,57%.

Os índices definitivos serão aprovados após a consulta pública para entrar em vigor em 1/11/2020. Interessados podem enviar contribuições no período de 26 de agosto a 9 de outubro de 2020 para o e-mail cp050_2020@aneel.gov.br. A consulta terá ainda uma sessão virtual prevista para ocorrer no dia 18 de setembro de 2020.
 
 

Link curto para esta página: bit.ly/3hFwI6g